Tratamento a Laser Para Estrias Funciona? Estrias Brancas e Vermelhas

Tratamento a Laser Para Estrias Funciona? Estrias Brancas e Vermelhas

As estrias e celulites são dois problemas estéticos que perturbam a paz da maioria das mulheres e parte dos homens que também fazem parte das pessoas que apresentam estrias ou celulites.

Frequentemente surgem novos tratamentos para estrias, como a Carboxiterapia, Peeling, Masoterapia, Striort, Micropigmentação e até tatuagem. Mas como saber qual dá o melhor resultado ou qual vai funcionar com você?

Antes de falarmos sobre o tratamento a laser para estrias, é importante entender como surgem as estrias e quais são os tipos de estrias.

Como surgem as estrias

As temidas estrias surgem quando a pele (ou tecido epitelial) sofre um estiramento além de sua capacidade.

Isso causa um rompimento das fibras de colágeno e elastina que segura a pele, gerando lesões longas e lineares.

No primeiro estágio, as estrias apresentam cor avermelhada, causando uma marca conhecida por estria.

Quais fatores causam o surgimento das estrias?

Como citado anteriormente, as estrias aparecem quando a pele é esticada além de sua capacidade e há um rompimento das fibras, o que pode ser ocasionado por ganho de peso, gravidez, atletas de hipertrofia e até mesmo no processo de crescimento, principalmente na puberdade.

Mas nem todas as pessoas respondem igualmente para os estímulos na pele. É comum ver pessoas acima do peso, gravidas, adolescentes e pessoas que praticam hipertrofia que não apresentam nenhum tipo de estrias.

Outros fatores ligados ao aparecimento das estrias:

  • Alterações hormonais na adolescência;
  • Uso prolongado de corticóides;
  • Crescimento muito acelerado durante a puberdade;
  • Fatores genéticos.

Quais os tipos de estrias?

As estrias apresentam dois tipo, são eles:

Vermelhas (rubras): Estas são as marcas mais recentes. Apresentam a coloração avermelhada porque o sangue ainda circula pelo local.

São mais fáceis de se tratar, podendo haver regeneração total da pele se o tratamento for iniciado cedo.

Estrias vermelhas

Brancas (albas): As estrias brancas são as estrias Vermelhas que não foram tratadas.

Com o tempo, as estrias perdem a vascularização no local e passam a ter aspecto branco e envelhecido, como se fosse uma cicatriz.

O tratamento nesta fase é bem mais difícil, podendo chegar a uma recuperação de no máximo 70%.

Estrias brancas

Como funciona o tratamento a laser para estrias?

O tratamento a laser consiste em disparos de laser sobre as estrias, o que causa uma leve queimadura no local, com o objetivo de estimular a vascularização, produção de colágeno e elastina no local.

A pele apresenta uma cor avermelhada e descama após o tratamento, dando lugar para uma nova pele.

Um dermatologista deve prescrever medicamentos específicos para proteger o local tratado.

O tratamento a laser para estrias atua nos dois tipos?

Como citamos, as estrias vermelhas são mais fáceis de se tratar. Neste caso, o laser irá ajudar a fechar os pequenos vasos sanguíneos e estimular a formação de colágenono e elastina.

O resultado final apresentará uma coloração perto do tom natural da pele do paciente e também uma redução considerável do tamanho, podendo até se tornar imperceptível.

No tratamento de estrias brancas, o tratamento a laser é voltado a estimular a produção de colágeno no local. Além disso, a estria diminuirá o seu tamanho, tornando menos perceptível.

Quantas sessões de laser é necessário para acabar com as estrias?

A quantidade de sessões do tratamento a laser vai depender do tipo estria, do tamanho, da profundidade, do aspecto e estado da pele. Isso deve ser avaliado por um dermatologista.

Mas em média, são necessárias 5 sessões para que as estrias desapareçam ou que diminuam o seu tamanho.

O tratamento a laser para estrias dói?

Embora o tratamento a laser para estrias cause uma dor tolerável para a maioria das pessoas, em alguns casos pode ser necessário o uso de anestésicos, que são ministrados meia hora antes da sessão.

Se causa dor ou não, vai depender da sensibilidade de cada pessoa.

Como funciona o tratamento a laser?

Confira como funciona o tratamento a laser na prática

Contraindicações do tratamento a laser

Antes do tratamento, informe seu dermatologista caso tenha alguma dessas patologias:

  • Lupus;
  • Problemas de coagulação;
  • Tendência a queloides;
  • Vitiligo;
  • Histórico de cicatrização hipercrômica (cicatrizes escurecidas), ou hipocrômica (cicatrizes claras demais);
  • Doenças fotossensíveis;
  • Herpes;
  • Mulheres grávidas também deverão evitar o procedimento nessa fase.

Também informe o dermatologista se você faz uso de algum dos medicamentos abaixo:

  • Medicamentos fotossensibilizantes;
  • Anticoagulantes orais;
  • Isotretinoína (que é utilizado para tratamento de acnes).

Como prevenir estrias

A melhor forma de tratar estrias é cuidar para que elas não apareçam. Você pode fazer isso mantendo a pele hidratada com cremes ricos em vitamina A, evitando o ganho de peso e o efeito sanfona.

Recomendamos a leitura do artigo:
O que são Estrias, Causas, Tipos, Tratamentos e Prevenção

Gostou do artigo Tratamento a Laser Para Estrias Funciona? Estrias Brancas e Vermelhas? Ainda tem dúvidas ou sugestões sobre tratamento de estrias? Então deixe um comentário abaixo.

Seus Amigos Precisam Saber Disso....
Share on Facebook
Facebook
0Share on Google+
Google+
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *